Roubo de Cargas - Dados alarmantes preocupam gestores e empresas

É cada vez mais alarmante o aumento dos números de roubos de cargas no Brasil, que ocupa 7º lugar no ranking, segundo dados em pesquisa do comitê de cargas do Reino Unido, cenário confirmado pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIRJAN), que afirma que entre os anos de 2011 e 2016, o número de roubo de cargas no Brasil subiu 86%. 
As cargas mais visadas são a de uso imediato como: cigarro, autopeças, eletroeletrônicos, roupas, medicamentos e produtos químicos.


Essa situação não só representa danos financeiros às transportadoras, como gera um alto nível de insegurança nos motoristas, prejudicando sua rotina e relações de trabalho, ficando evidente que o uso de tecnologias de Gerenciamento de Risco e Softwares de Logística diminuem drasticamente os riscos de roubos e tranquilizam motoristas e gestores.

 

c658449b04e2866d265f2b698a6a9cfb